• Leandro Souza

Oriente a sua sexualidade, não a minha

Atualizado: Set 23

ou por que é violenta a sua curiosidade na sexualidade alheia?



Ok, vamos lá, a sexualidade não tem como ser uma questão de escolha, preferência ou descoberta, e sabe por quê? Porque se as pessoas não escolhem, preferem ou se descobrem da noite pro dia heterossexuais, o mesmo se aplica a pessoas homo, bi, pan ou assexuais. O caminho é exatamente o mesmo.


Evidências científicas apontam que os fatores biológicos são determinantes para que possamos entender as diferentes formas da sexualidade se expressar, e os registros históricos comprovam que essa diferenciação ocorre desde a pré-história. A sexualidade está pro campo da intimidade, cada um tem a sua e não é da conta de mais ninguém, questionar o outro com perguntas invasivas é bastante ofensivo e desrespeitoso. Se a pergunta for apenas por questão de curiosidade, vão pro google mores! Mas se for só pra constranger mesmo, lamento muito o ser humano desprezível que você é.


É muito recorrente essa ideia de que a orientação sexual é um critério de escolha, preferência ou descoberta, como se fosse algo como escolher um time, preferir um sabor de sorvete ou descobrir quem matou o personagem chato da novela, não faz sentido. Até o termo “orientação” me deixava confuso porque eu nunca fui orientado a ser gay em momento algum (precisava, inclusive), mas muito pelo contrário, me ensinaram sempre a ser hétero porque diziam que ser gay era errado e que ia contra a vontade de Deus.

Não a toa eu e muito outros LGBTs tiveram uma infância de autocondenação, num processo delicado de aceitação. Mas aí numa pesquisa rápida no google (é sério, pesquisar é necessário) vi que o termo “orientação” também é sinônimo de direcionamento e aí passou a fazer um pouco mais de sentido, sendo que “interesse sexual” é um sinônimo, pra mim, ainda mais coerente porque a sexualidade está no campo do interesse afetivo e/ou do contato sexual, está na intimidade.


E por estar na intimidade não cabe a você concordar, achar estranho ou ficar curiosx porque isso fere a privacidade, constrange e desestabiliza quem precisa de tempo pra se aceitar. Escrevo isso como um aviso, pois entendendo que a minha sexualidade é minha casa, você só entra se eu deixar.


8 visualizações

contato@linkcult.com

Av. Sete de Setembro, nº 3959, Barra Salvador/BA

Tel - (71) 99981-4888

Linkcult© 2020 todos os direitos reservados